O Movimento Re-food apresenta novas respostas para os antigos desafios, ferramentas locais capazes de reparar danos globais e potencializar os cidadãos para mudar o mundo e melhorar as suas próprias comunidades.

 

O que é possível?

A Re-food começou por questionar ...

 

Nosso Desafio:

É possível que o destino de 1/3 de todos os alimentos que produzimos seja o lixo?

É possível que nós – nós e você - deitemos fora comida perfeitamente boa numa base diária, enquanto os nossos vizinhos passam por dificuldades?

É possível que nos esqueçamos que a comida é um bem precioso porque alimenta pessoas e que as pessoas também - todas as pessoas - são preciosas?

É possível, é a nossa realidade atual.

 

Nossa resposta:

É possível acabar com enormes quantidades de resíduos alimentares e resgatar toneladas de comida boa no nosso próprio bairro ou vizinhança?

É possível recrutar, organizar e manter centenas de voluntários para resgatar comida todos os dias – na sua comunidade e na minha?

É possível fornecer comida resgatada para aqueles que precisam dela nas próprias comunidades onde a comida é resgatada - sem custos para os beneficiários ou quase sem custos?

É possível manter um baixo custo de operação por bairro com um  alto rendimento de resgate alimentar que envolve todos os setores da comunidade (pessoas responsáveis, empresas e instituições) - e fazê-lo estritamente com base na boa vontade?

É possível - é Re-food.